A causa exata é desconhecida, existem algumas teorias tentando explicar, mas deve ser uma combinação de vários fatores, como genéticos, ambientais,e talvez do sistema endócrino.

Seus sintomas:

Nos estágios iniciais  apresenta visão borrada (pela progressão do astigmatismo) com frequentes mudanças no grau dos óculos, aumento da sensibilidadeà luz (fotofobia), dificuldade de dirigir à noite, halos e imagens fantasmas ao redor de uma fonte luminosa, principalmente à noite, dores oculares  e dores de cabeça (por esforço ocular), etc.

Início do quadro:

Pode iniciar no começo da adolescência ou próximos aos 20 anos de idade, mas encontramos casos com início em qualquer estágio da vida.

Incidência:

Novas pesquisas mostram que o ceratocone está mais comum do que no passado. Ele ocorria em 1 a cada 2000 pessoas, mas exitem estudos mostrando 1 em 500.

Tratamento:

Normalmente se inicia com a correção da visão utilizando óculos e lentes de contato gelatinosas (nos estágios iniciais).

Se ocorrer a progressão, indica-se o uso de lentes de contato rígida gás permeáveis, as quais devem ser cuidadosamente adaptadas e frequentemente checadas pois mudanças podem ocorrer. Essas lentes possuem diversos desenhos procurando facilitar a adaptação e o conforto, algumas ficando por sobre a córnea, outras apoiando-se sobre a esclera.

Não é incomum o paciente desenvolver intolerancia ao uso de lentes e, se elas não estiverem perfeitamente adaptadas, podem vir a prejudicar o quadro. Por isso a necessidade de acompanhamento periódico pelo seu médico oftalmologista.

Deve-se lembrar que as lentes de contato não são um tratamento, e sim para melhorar a visão.

Até há algum tempo atrás, em ceratocones avançados, a única opção era o transplante de córnea (ceratoplastia penetrante). Hoje existem modernos tratamentos, menos invasivos, que providenciam rápida recuperação, algumas vezes parando a progressão da degeneração e da condição visual. Entre eles temos o Crosslinking Corneano , os Aneis Intraestromais Corneanos e as Lentes Intraoculares. Pode se utilizar também a combinação de um ou mais desses procedimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *